Desporto
Andebol

Federação de Andebol precisa de ajuda de custo para Mundial no Japão

Federação de Andebol precisa de ajuda de custo para Mundial no Japão
Foto por:
vídeo por:
DR

A Federação Angolana de Andebol (FAAND) precisa de 30 mil euros para as ajudas de custo da Selecção Nacional sénior feminina, que disputa de 30 de Novembro a 15 de Dezembro o Campeonato do Mundo, no Japão, avançou o presidente do órgão, Pedro Godinho.

Falando nesta segunda-feira à Angop, em Luanda, o responsável explicou que a federação possui valores em kwanzas e que os bancos comerciais privilegiam a cedência de cartões de crédito, enquanto as atletas preferem as divisas em mão, tendo referido, no entanto, que a verba cabimentada pelo Ministério da Juventude e Desportos para esta empreitada foi já totalmente disponibilizada e que os 34 milhões de kwanzas actualmente em caixa servirão para compra dos bilhetes de passagem, actualmente comercializados a 1.600 dólares.

Face aos constrangimentos, Pedro Godinho disse não ter se realizado o estágio de dez dias já no local do evento (Japão) e que a selecção nacional viaja somente no dia 27.

Angola, que participa na prova pela 14ª vez, figura no grupo A com a Holanda, Noruega (tri-campeã mundial), Sérvia, Eslovénia e Cuba.

Estão convocadas as guarda-redes Teresa de Almeida “Bá” (Petro de Luanda), Amália Pinto, Helena de Sousa (1º de Agosto). As pontas esquerda são Janete Santos, Vilma da Silva (1º de Agosto) e as direita Claudete José, Joana da Costa (Petro de Luanda) e Iracelma da Silva (1º de Agosto). As meias-distâncias direita são Juliana Machado, Wuta Dombaxi (1º de Agosto) e Azenaide Carlos (Petro de Luanda).

Completam o conjunto Marilha Quizelete, Magda Cazanga (meias-distâncias esquerda - Petro de Luanda). Helena Paulo, Natália Bernardo e Isabel Guialo (Centrais -1º de Agosto) e Vilma Nenganga (central - Petro de Luanda). Albertina Cassoma, Liliana Venâncio e Ruth João (Pivôs - 1º de Agosto).

6galeria

Redacção

A Federação Angolana de Andebol (FAAND) precisa de 30 mil euros para as ajudas de custo da Selecção Nacional sénior feminina, que disputa de 30 de Novembro a 15 de Dezembro o Campeonato do Mundo, no Japão, avançou o presidente do órgão, Pedro Godinho.

Falando nesta segunda-feira à Angop, em Luanda, o responsável explicou que a federação possui valores em kwanzas e que os bancos comerciais privilegiam a cedência de cartões de crédito, enquanto as atletas preferem as divisas em mão, tendo referido, no entanto, que a verba cabimentada pelo Ministério da Juventude e Desportos para esta empreitada foi já totalmente disponibilizada e que os 34 milhões de kwanzas actualmente em caixa servirão para compra dos bilhetes de passagem, actualmente comercializados a 1.600 dólares.

Face aos constrangimentos, Pedro Godinho disse não ter se realizado o estágio de dez dias já no local do evento (Japão) e que a selecção nacional viaja somente no dia 27.

Angola, que participa na prova pela 14ª vez, figura no grupo A com a Holanda, Noruega (tri-campeã mundial), Sérvia, Eslovénia e Cuba.

Estão convocadas as guarda-redes Teresa de Almeida “Bá” (Petro de Luanda), Amália Pinto, Helena de Sousa (1º de Agosto). As pontas esquerda são Janete Santos, Vilma da Silva (1º de Agosto) e as direita Claudete José, Joana da Costa (Petro de Luanda) e Iracelma da Silva (1º de Agosto). As meias-distâncias direita são Juliana Machado, Wuta Dombaxi (1º de Agosto) e Azenaide Carlos (Petro de Luanda).

Completam o conjunto Marilha Quizelete, Magda Cazanga (meias-distâncias esquerda - Petro de Luanda). Helena Paulo, Natália Bernardo e Isabel Guialo (Centrais -1º de Agosto) e Vilma Nenganga (central - Petro de Luanda). Albertina Cassoma, Liliana Venâncio e Ruth João (Pivôs - 1º de Agosto).

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form