Actualidade
Sociedade

Doença desconhecida mata gado na Huíla

Doença desconhecida mata gado na Huíla
Foto por:
vídeo por:
DR


Mais de 180 cabeças de gado bovino morreram na última semana na comuna do Dindi, município de Quilengues, em consequência de uma peste desconhecida pelos criadores tradicionais, que assolou um número considerável de animais.

O ancião António Mwalenge registou uma baixa de 30 cabeças, em sete currais, explicou ao Jornal de Angola que “os sintomas apresentados pelo gado afectado são estranhos, com realce para a falta de apetite, fraqueza, ao ponto de não se levantar e ao cabo de quatro dias o animal morre”, noticiou o Jornal de Angola.

O criador tradicional descreveu que as características que o animal apresenta são estranhas, sobretudo os machos, tornando difícil aferir o tipo de doença.


6galeria

Redacção


Mais de 180 cabeças de gado bovino morreram na última semana na comuna do Dindi, município de Quilengues, em consequência de uma peste desconhecida pelos criadores tradicionais, que assolou um número considerável de animais.

O ancião António Mwalenge registou uma baixa de 30 cabeças, em sete currais, explicou ao Jornal de Angola que “os sintomas apresentados pelo gado afectado são estranhos, com realce para a falta de apetite, fraqueza, ao ponto de não se levantar e ao cabo de quatro dias o animal morre”, noticiou o Jornal de Angola.

O criador tradicional descreveu que as características que o animal apresenta são estranhas, sobretudo os machos, tornando difícil aferir o tipo de doença.


Redacção

Licenciado em Gestão e Administração pela Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Agostinho Neto, Félix Abias é um jornalista angolano que explora temas ligados à política e economia local. Actualmente trabalha para o Grupo Média Rumo

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form