Arte e Cultura
Exposição

Segundo tributo a Kapela vai ao ELA na próxima semana

Segundo tributo a Kapela vai ao ELA na próxima semana
Foto por:
vídeo por:
Cedidas

O Espaço Luanda Arte (ELA) vaia acolher, na próxima sexta-feira, dia 29, a partir das 18 horas, a 2ª edição do tributo ao mestre Kapela, intitulada “Pai grande nosso, tu és”, uma exposição colectiva de obras inéditas de 13 artistas angolanos.

Os nomes que vão expor desta vez são Cristiano Mangovo, Don Sebas Cassule, Eduardo Vueza, Engrácia Gouveia, Evan Claver, Hamilton Francisco / Babu, Joana Taya, Jone Ferreira,  Maiomona Vua, Nelson Kissoka, Paulo Jazz, Rasta Congo e Wyssolela Moreira.

“Em breve, o artista angolano Kapela Paulo, nascido em Maquela do Zombo, Uíge, irá celebrar 72 anos de idade. É inquestionável a posição que o nosso Kapela, o papá Kapela, assume na arte contemporânea em Angola. Inquestionável não só pelo seu trajecto como artista, mas também pelo facto de ter influenciado directamente toda uma geração de artistas angolanos que emergiram nos últimos anos, e que se afirmam cada vez mais em território nacional e internacional”, refere Dominick Maia Tanner, director daquela galeria angolana, explicando as razões pelas quais o artista merece essa homenagem.

Segundo o responsável, citado no comunicado que recebemos, artistas como Lino Damião, Marco Kabenda, Toy Boy, Nelo Teixeira, Kiluanje Kia Henda e Yonamine foram todos inspirados pela obra e pela vida do Kapela, “até porque a maioria deles viveu e conviveu importantes anos das suas vidas com o seu mestre e amigo”.

“Inquestionável, por isso, é este tributo ao “Pai Grande” espiritual da arte contemporânea angolana, a quem prestamos homenagem e prestigiamos hoje, como forma de agradecimento pelo seu instinto de sobrevivência e renascimento, contra tudo e contra todos, e contra tantas vicissitudes da vida e da “morte” porque passou. Parabéns, Kapela! Parabéns, Angola! Pai Grande Nosso, Tu És”, felicitou-o.

Com o patrocíno do BFA e da WEZA, a exposição ficará patente até dia 17 de Abril próximo, naquele espaço de arte, situado no prédio da De Beers, na Rua Rainha Ginga, nº87 - 4º piso.

6galeria

Andrade Lino

Jornalista

Estudante de Língua Portuguesa e Comunicação, amante de artes visuais, música e poesia.

O Espaço Luanda Arte (ELA) vaia acolher, na próxima sexta-feira, dia 29, a partir das 18 horas, a 2ª edição do tributo ao mestre Kapela, intitulada “Pai grande nosso, tu és”, uma exposição colectiva de obras inéditas de 13 artistas angolanos.

Os nomes que vão expor desta vez são Cristiano Mangovo, Don Sebas Cassule, Eduardo Vueza, Engrácia Gouveia, Evan Claver, Hamilton Francisco / Babu, Joana Taya, Jone Ferreira,  Maiomona Vua, Nelson Kissoka, Paulo Jazz, Rasta Congo e Wyssolela Moreira.

“Em breve, o artista angolano Kapela Paulo, nascido em Maquela do Zombo, Uíge, irá celebrar 72 anos de idade. É inquestionável a posição que o nosso Kapela, o papá Kapela, assume na arte contemporânea em Angola. Inquestionável não só pelo seu trajecto como artista, mas também pelo facto de ter influenciado directamente toda uma geração de artistas angolanos que emergiram nos últimos anos, e que se afirmam cada vez mais em território nacional e internacional”, refere Dominick Maia Tanner, director daquela galeria angolana, explicando as razões pelas quais o artista merece essa homenagem.

Segundo o responsável, citado no comunicado que recebemos, artistas como Lino Damião, Marco Kabenda, Toy Boy, Nelo Teixeira, Kiluanje Kia Henda e Yonamine foram todos inspirados pela obra e pela vida do Kapela, “até porque a maioria deles viveu e conviveu importantes anos das suas vidas com o seu mestre e amigo”.

“Inquestionável, por isso, é este tributo ao “Pai Grande” espiritual da arte contemporânea angolana, a quem prestamos homenagem e prestigiamos hoje, como forma de agradecimento pelo seu instinto de sobrevivência e renascimento, contra tudo e contra todos, e contra tantas vicissitudes da vida e da “morte” porque passou. Parabéns, Kapela! Parabéns, Angola! Pai Grande Nosso, Tu És”, felicitou-o.

Com o patrocíno do BFA e da WEZA, a exposição ficará patente até dia 17 de Abril próximo, naquele espaço de arte, situado no prédio da De Beers, na Rua Rainha Ginga, nº87 - 4º piso.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form