Actualidade
Política

Rússia pretende investir milhões em Angola para “projectos de grande envergadura”

Rússia pretende investir milhões em Angola para “projectos de grande envergadura”
Foto por:
vídeo por:
DR

As autoridades russas e investidores privados mostram-se disponíveis para investir cerca de nove mil milhões de euros para financiar projetos com impacto socioeconómico em Angola, anunciou o vice-presidente da Comissão Parlamentar para as Relações Internacionais da Federação Russa, Chepa Alexey.

O responsável, que falava numa audiência com o Presidente da República de Angola, João Lourenço, informou que o dinheiro resulta de uma linha de crédito conjunta, da Federação Russa, sector privado russo e investidores internacionais, de acordo com a Agência Lusa.

O governante indicou que os projetos estão ligados ao sector energético, incluindo a construção de barragens hidroelétricas, produção de energia eólica, painéis solares, linhas de transporte de energia elétrica, construção de estradas, habitações e outras infraestruturas.

Assim sendo, o dinheiro destina-se a financiar “projectos de grande envergadura” do interesse comum da Federação Russa e de Angola, adiantou Chepa Alexey, líder de uma delegação de empresários russos que vai manter encontros bilaterais com representantes de congéneres angolanas.

6galeria

Redacção

As autoridades russas e investidores privados mostram-se disponíveis para investir cerca de nove mil milhões de euros para financiar projetos com impacto socioeconómico em Angola, anunciou o vice-presidente da Comissão Parlamentar para as Relações Internacionais da Federação Russa, Chepa Alexey.

O responsável, que falava numa audiência com o Presidente da República de Angola, João Lourenço, informou que o dinheiro resulta de uma linha de crédito conjunta, da Federação Russa, sector privado russo e investidores internacionais, de acordo com a Agência Lusa.

O governante indicou que os projetos estão ligados ao sector energético, incluindo a construção de barragens hidroelétricas, produção de energia eólica, painéis solares, linhas de transporte de energia elétrica, construção de estradas, habitações e outras infraestruturas.

Assim sendo, o dinheiro destina-se a financiar “projectos de grande envergadura” do interesse comum da Federação Russa e de Angola, adiantou Chepa Alexey, líder de uma delegação de empresários russos que vai manter encontros bilaterais com representantes de congéneres angolanas.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form