Sociedade
Sociedade

Moradores do bairro Txamba pedem escola e reabilitação da via de acesso

Moradores do bairro Txamba pedem escola e reabilitação da via de acesso
Foto por:
vídeo por:
DR

Os  3.750 moradores do bairro Txamba Mendes, a 67 quilómetros do centro da cidade do Dundo, Lunda Norte, solicitaram à Administração Municipal do Chitato a construção de escolas, posto de saúde e a reabilitação da via de acesso.

De acordo com o coordenador do bairro, António Fernando, que falava  recentemente num encontro com o administrador municipal do Chitato, Gastão Cahata, o bairro não dispõe de escolas e posto de saúde, obrigando os cidadãos  a percorrerem longas distâncias em busca de assistência médica e formação.

Disse, citado pela Angop, que o mau estado da via de acesso ao bairro tem dificultado o escoamento dos produtos agrícolas do campo para os centros de consumo, e em resposta, o administrador assegurou a construção de  uma escola, um posto de saúde e a reabilitação da via de acesso, no âmbito do programa do Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza, apelando à calma aos habitantes do referido bairro.

Durante a sua estadia no Txamba, Gastão Cahata procedeu à inauguração de um sistema de água com um reservatório de 10 metros cúbicos, com capacidade para bombear 2.5 metros/hora, ainda de acordo com a Angop.

6galeria

Redacção

Os  3.750 moradores do bairro Txamba Mendes, a 67 quilómetros do centro da cidade do Dundo, Lunda Norte, solicitaram à Administração Municipal do Chitato a construção de escolas, posto de saúde e a reabilitação da via de acesso.

De acordo com o coordenador do bairro, António Fernando, que falava  recentemente num encontro com o administrador municipal do Chitato, Gastão Cahata, o bairro não dispõe de escolas e posto de saúde, obrigando os cidadãos  a percorrerem longas distâncias em busca de assistência médica e formação.

Disse, citado pela Angop, que o mau estado da via de acesso ao bairro tem dificultado o escoamento dos produtos agrícolas do campo para os centros de consumo, e em resposta, o administrador assegurou a construção de  uma escola, um posto de saúde e a reabilitação da via de acesso, no âmbito do programa do Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza, apelando à calma aos habitantes do referido bairro.

Durante a sua estadia no Txamba, Gastão Cahata procedeu à inauguração de um sistema de água com um reservatório de 10 metros cúbicos, com capacidade para bombear 2.5 metros/hora, ainda de acordo com a Angop.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form