Showbiz
Concerto

Matias Damásio pede desculpas e explica por que não compareceu aos espectáculos

Matias Damásio pede desculpas e explica por que não compareceu aos espectáculos
Foto por:
vídeo por:
DR

O cantor Matias Damásio pediu desculpas à organização do “Show do Mês” e ao público, por não ter comparecido, no Royal Plaza Hotel, em Talatona, aos espectáculos marcados para ontem e sábado, cancelados na sequência de alegadas divergências entre o músico e o apresentador do evento, Salú Gonçalves.

Depois de actuar na sexta-feira, Matias Damásio não compareceu no dois dias seguintes para os últimos concertos, facto que justifica por não saber quem era o apresentador, pois, se soubesse, disse na sexta-feira, a meio do espectáculo, não subiria ao palco, numa alusão a um desentendimento antigo com Salú Gonçalves, na altura em que este era apresentador do programa Kialumingo, da Rádio Nacional de Angola. 

Num comunicado que partilhou na sua página de Facebook, ontem, o autor de “Juro Por Tudo” confessou que a presença indesejada de Salú perturbou-o psicologicamente, além de abalar a concentração e o foco do seu show, que era e continua a ser proporcionar o melhor de si ao seu público.

“Situações que feriram e minha dignidade, bom nome e atingiram os meus familiares directos, pesaram na minha reacção tempestiva no dia 2/11”, continuou.

“Peço desculpas a todos pelo desconforto causado e reafirmo que continuarei a pautar por uma conduta humilde e de respeito aos princípios, direitos e valores, mas mantendo sempre a minha dignidade e o total respeito aos outros e em particular aos meus fãs, que são a minha inspiração e o meu alicerce”, escreveu ainda, mostrando-se disponível para remarcar o show, desde que a Nova Energia, empresa promotora do evento, proporcionasse “condições psicológicas” para que pudesse fazer o seu trabalho.

Adiante, Matias Damásio afirmou que respeita as opiniões dos que se opuseram à sua posição. “Apesar de eu ser de origem humilde, sei o valor da honra e que para mim o bom nome não se compra, nem tem preço porque tem que ser defendido para poder servir de exemplo para os mais jovens, em particular os meus filhos”, lê-se.

No mesmo dia, o artista fez um vídeo a revelar que por causa do Salú Gonçalves os seus filhos até hoje sofrem bullying na escola, voltam a chorar, por causa de notícias que até hoje este não conseguiu provar que são verdades, por levá-las a ferro e fogo.

“Foram sete atentados contra mim, durante esse tempo, por todos órgãos por onde passaste. Por isso ainda não me sinto psicologicamente preparado para seres tu, Salú, a apresentar o meu espectáculo”, direccionou.

Foi apenas abrindo o seu coração, realçou, que conseguiu fazer o espectáculo de sexta-feira. Por respeito ao público. “Se pedi muito, peço desculpas a todos os angolanos. Se o artista não é humilde quando pede condições psicológicas, peço desculpas, por respeito a todos os artistas e por tudo que me ajudaram a conquistar”, reforçou, tendo clareado que, em respeito à sua privacidade, não quer mais se alongar sobresse o assunto.

6galeria

Andrade Lino

Jornalista

Estudante de Língua Portuguesa e Comunicação, amante de artes visuais, música e poesia.

O cantor Matias Damásio pediu desculpas à organização do “Show do Mês” e ao público, por não ter comparecido, no Royal Plaza Hotel, em Talatona, aos espectáculos marcados para ontem e sábado, cancelados na sequência de alegadas divergências entre o músico e o apresentador do evento, Salú Gonçalves.

Depois de actuar na sexta-feira, Matias Damásio não compareceu no dois dias seguintes para os últimos concertos, facto que justifica por não saber quem era o apresentador, pois, se soubesse, disse na sexta-feira, a meio do espectáculo, não subiria ao palco, numa alusão a um desentendimento antigo com Salú Gonçalves, na altura em que este era apresentador do programa Kialumingo, da Rádio Nacional de Angola. 

Num comunicado que partilhou na sua página de Facebook, ontem, o autor de “Juro Por Tudo” confessou que a presença indesejada de Salú perturbou-o psicologicamente, além de abalar a concentração e o foco do seu show, que era e continua a ser proporcionar o melhor de si ao seu público.

“Situações que feriram e minha dignidade, bom nome e atingiram os meus familiares directos, pesaram na minha reacção tempestiva no dia 2/11”, continuou.

“Peço desculpas a todos pelo desconforto causado e reafirmo que continuarei a pautar por uma conduta humilde e de respeito aos princípios, direitos e valores, mas mantendo sempre a minha dignidade e o total respeito aos outros e em particular aos meus fãs, que são a minha inspiração e o meu alicerce”, escreveu ainda, mostrando-se disponível para remarcar o show, desde que a Nova Energia, empresa promotora do evento, proporcionasse “condições psicológicas” para que pudesse fazer o seu trabalho.

Adiante, Matias Damásio afirmou que respeita as opiniões dos que se opuseram à sua posição. “Apesar de eu ser de origem humilde, sei o valor da honra e que para mim o bom nome não se compra, nem tem preço porque tem que ser defendido para poder servir de exemplo para os mais jovens, em particular os meus filhos”, lê-se.

No mesmo dia, o artista fez um vídeo a revelar que por causa do Salú Gonçalves os seus filhos até hoje sofrem bullying na escola, voltam a chorar, por causa de notícias que até hoje este não conseguiu provar que são verdades, por levá-las a ferro e fogo.

“Foram sete atentados contra mim, durante esse tempo, por todos órgãos por onde passaste. Por isso ainda não me sinto psicologicamente preparado para seres tu, Salú, a apresentar o meu espectáculo”, direccionou.

Foi apenas abrindo o seu coração, realçou, que conseguiu fazer o espectáculo de sexta-feira. Por respeito ao público. “Se pedi muito, peço desculpas a todos os angolanos. Se o artista não é humilde quando pede condições psicológicas, peço desculpas, por respeito a todos os artistas e por tudo que me ajudaram a conquistar”, reforçou, tendo clareado que, em respeito à sua privacidade, não quer mais se alongar sobresse o assunto.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form