Arte e Cultura
Literatura

Livro “Força Angola” é lançado em Luanda

Livro “Força Angola” é lançado em Luanda
Foto por:
vídeo por:
DR

O escritor belga Daniel Ribant vai apresentar, na próxima quarta-feira, dia 28, pelas 18h00, o seu mais recente livro, intitulado “Força Angola” , acto que terá lugar no auditório do União dos Escritores Angolanos, sito no Largo das Escolas.

A apresentação, de acordo com o comunicado que recebemos, será realizada em francês , seguida de uma sessão de venda e autógrafos, em ajuda da Fundação Europeia para a Promoção e Desenvolvimento de Angola ( EFFA ), com entrada gratuita . 

São argelinos, ingleses, belgas, holandeses, portugueses, sul-africanos, suecos, suíços e, claro, nacionalidades angolanas. Todos viveram parte da história de Angola e alguns deles como actores directos. Dar-lhes a palavra faz parte deste “dever de memória”, esta “responsabilidade para com o passado”, lê-se no documento. 

Daniel Ribant nasceu na Bélgica, em 1953. Estudou Economia e Ciência Política no ICHEC, Bruxelas, e no Instituto de Estudos Políticos em Paris. Ex-banqueiro, o autor ocupa o cargo de Assessor em Diplomacia Económica na Embaixada da Bélgica em Luanda, de uma ONG inteiramente dedicada ao desenvolvimento de Angola , a Fundação Europeia para a Promoção e Desenvolvimento de Angola (EFFA).

6galeria

Redacção

O escritor belga Daniel Ribant vai apresentar, na próxima quarta-feira, dia 28, pelas 18h00, o seu mais recente livro, intitulado “Força Angola” , acto que terá lugar no auditório do União dos Escritores Angolanos, sito no Largo das Escolas.

A apresentação, de acordo com o comunicado que recebemos, será realizada em francês , seguida de uma sessão de venda e autógrafos, em ajuda da Fundação Europeia para a Promoção e Desenvolvimento de Angola ( EFFA ), com entrada gratuita . 

São argelinos, ingleses, belgas, holandeses, portugueses, sul-africanos, suecos, suíços e, claro, nacionalidades angolanas. Todos viveram parte da história de Angola e alguns deles como actores directos. Dar-lhes a palavra faz parte deste “dever de memória”, esta “responsabilidade para com o passado”, lê-se no documento. 

Daniel Ribant nasceu na Bélgica, em 1953. Estudou Economia e Ciência Política no ICHEC, Bruxelas, e no Instituto de Estudos Políticos em Paris. Ex-banqueiro, o autor ocupa o cargo de Assessor em Diplomacia Económica na Embaixada da Bélgica em Luanda, de uma ONG inteiramente dedicada ao desenvolvimento de Angola , a Fundação Europeia para a Promoção e Desenvolvimento de Angola (EFFA).

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form