Sociedade
Infra-Estruturas

GPL inaugura segunda maior unidade de saúde em Cacuaco

GPL inaugura segunda maior unidade de saúde em Cacuaco
Foto por:
vídeo por:
DR

O Governo Provincial de Luanda (GPL) inaugurou, nesta quarta-feira, o Centro de Saúde de Referência Vila Verde Cativa, no Distrito Urbano do Sequele, município de Cacuaco, aumentando para três o número de estabelecimentos sanitários deste nível, juntando-se à Unidade de Saúde do Mulundo e a do Sequele.

Inaugurada pelo governador de Luanda, Manuel Homem, esta segunda maior unidade daquela região vai servir de tampão para o futuro Hospital Geral de Cacuaco, com as autoridades a preverem a possibilidade, face da área total, de aumentar o edifício e transformá-lo em Hospital Municipal, com o objectivo de proporcionar outras valências para a rede sanitária da capital do país.

Segundo fonte da Angop, este estabelecimento público de saúde de referência municipal, integrado no Serviço Nacional de Saúde, vai prestar assistência médica e medicamentosa, além de cuidados de enfermagem à população.

O Centro de Saúde de Referência Vila Verde Cativa funcionará 24 horas/dia oferecendo os serviços de vacinação, puericultura, planeamento familiar, consulta pré-natal, medicina geral, pediatria, estomatologia, ecografia, radiografia, urgências, internamento, farmácia, salas de pré-parto, parto e pós-parto, neonatologia, berçário, esterilização e laboratório de análises clínicas.

A unidade sanitária conta,  igualmente, com um bloco administrativo de oito gabinetes e uma sala de reuniões, depósito de medicamentos, lavandaria, refeitório, serviço gerais, sala de monitoramento e vídeo-vigilância, além de um gabinete do utente e humanização, um dos primeiros no país com este serviço integrado.

Na ocasião, o governador Manuel Homem sublinhou que há outros projectos de construção de unidades sanitárias em curso no bairro Maiombe, também em Cacuaco, além da previsão de um novo centro de referência para dar resposta às questões da população, destacando no entanto a necessidade da humanização dos serviços de saúde, por ser uma das prioridades da acção do Governo, pelo que se torna cada vez mais essencial que esteja próximo dos cidadãos e com a qualidade que se impõe.

"Esperamos que possamos dar respostas aos munícipes que há muito nos têm pressionado. Esta obra demorou oito anos a construir. Por várias razões e tão logo prestamos atenção a esta situação, é uma das prioridades que o Governo Provincial tem na sua carteira de projectos", declarou.

O governante, adiante, acrescentou que todos os projectos paralisados desde 2014 têm merecido a atenção, sendo que, para além deste, há outras infra-estruturas que estão à espera da conclusão.

"Com a entrega também de uma ambulância, vai permitir com que os pacientes tenham condições de serem transferidos sempre que for necessário, com o meio do próprio do centro de saúde", garantiu.

Destaque

No items found.

6galeria

Ylson Menezes

Repórter

Ylson Menezes é poeta. Amante de leitura e de escrita, é também aspirante a jornalista.

O Governo Provincial de Luanda (GPL) inaugurou, nesta quarta-feira, o Centro de Saúde de Referência Vila Verde Cativa, no Distrito Urbano do Sequele, município de Cacuaco, aumentando para três o número de estabelecimentos sanitários deste nível, juntando-se à Unidade de Saúde do Mulundo e a do Sequele.

Inaugurada pelo governador de Luanda, Manuel Homem, esta segunda maior unidade daquela região vai servir de tampão para o futuro Hospital Geral de Cacuaco, com as autoridades a preverem a possibilidade, face da área total, de aumentar o edifício e transformá-lo em Hospital Municipal, com o objectivo de proporcionar outras valências para a rede sanitária da capital do país.

Segundo fonte da Angop, este estabelecimento público de saúde de referência municipal, integrado no Serviço Nacional de Saúde, vai prestar assistência médica e medicamentosa, além de cuidados de enfermagem à população.

O Centro de Saúde de Referência Vila Verde Cativa funcionará 24 horas/dia oferecendo os serviços de vacinação, puericultura, planeamento familiar, consulta pré-natal, medicina geral, pediatria, estomatologia, ecografia, radiografia, urgências, internamento, farmácia, salas de pré-parto, parto e pós-parto, neonatologia, berçário, esterilização e laboratório de análises clínicas.

A unidade sanitária conta,  igualmente, com um bloco administrativo de oito gabinetes e uma sala de reuniões, depósito de medicamentos, lavandaria, refeitório, serviço gerais, sala de monitoramento e vídeo-vigilância, além de um gabinete do utente e humanização, um dos primeiros no país com este serviço integrado.

Na ocasião, o governador Manuel Homem sublinhou que há outros projectos de construção de unidades sanitárias em curso no bairro Maiombe, também em Cacuaco, além da previsão de um novo centro de referência para dar resposta às questões da população, destacando no entanto a necessidade da humanização dos serviços de saúde, por ser uma das prioridades da acção do Governo, pelo que se torna cada vez mais essencial que esteja próximo dos cidadãos e com a qualidade que se impõe.

"Esperamos que possamos dar respostas aos munícipes que há muito nos têm pressionado. Esta obra demorou oito anos a construir. Por várias razões e tão logo prestamos atenção a esta situação, é uma das prioridades que o Governo Provincial tem na sua carteira de projectos", declarou.

O governante, adiante, acrescentou que todos os projectos paralisados desde 2014 têm merecido a atenção, sendo que, para além deste, há outras infra-estruturas que estão à espera da conclusão.

"Com a entrega também de uma ambulância, vai permitir com que os pacientes tenham condições de serem transferidos sempre que for necessário, com o meio do próprio do centro de saúde", garantiu.

6galeria

Artigos relacionados

No items found.
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form