Sociedade
Educação

Gestores escolares devem ser responsabilizados

Gestores escolares devem ser responsabilizados
Foto por:
vídeo por:
DR

A governadora da província do Huambo defendeu, nesta última sexta-feira, a responsabilização de gestores escolares com tendências contrárias à promoção da qualidade do processo docente/educativo.

Joana Lina Cândido afirmou que o Executivo angolano atribui grande importância ao sector da Educação, razão pela qual os responsáveis desta área são chamados a desempenhar as suas funções com maior dinamismo e competência, para que, quer a transmissão de conhecimento, quer a aprendizagem dos alunos, tenha a qualidade desejada.

A governante, que fez estas declarações quando intervinha no I encontro alargado do sector da Educação naquela província, decorrido sob o lema “Direito a educação – também é direito a um professor qualificado”, referiu que o bom ou o mau trabalho dos professores e gestores escolares reflecte, fundamentalmente, nos índices de desenvolvimento, cuja prestação de um serviço de qualidade melhora a promoção dos cuidados primários de saúde, o espírito de tolerância e a convivência recíproca, os métodos de protecção do ambiente, o aumento do orgulho e a satisfação pessoal.

Disse, por fim, ser necessário que se prime pelo dinamismo, disciplina, rigor, competência e pela responsabilidade individual, dentro do espírito colectivo, para alcance dos objectivos que pretendem atingir no domínio educativo, citada pela Angop.

6galeria

Redacção

A governadora da província do Huambo defendeu, nesta última sexta-feira, a responsabilização de gestores escolares com tendências contrárias à promoção da qualidade do processo docente/educativo.

Joana Lina Cândido afirmou que o Executivo angolano atribui grande importância ao sector da Educação, razão pela qual os responsáveis desta área são chamados a desempenhar as suas funções com maior dinamismo e competência, para que, quer a transmissão de conhecimento, quer a aprendizagem dos alunos, tenha a qualidade desejada.

A governante, que fez estas declarações quando intervinha no I encontro alargado do sector da Educação naquela província, decorrido sob o lema “Direito a educação – também é direito a um professor qualificado”, referiu que o bom ou o mau trabalho dos professores e gestores escolares reflecte, fundamentalmente, nos índices de desenvolvimento, cuja prestação de um serviço de qualidade melhora a promoção dos cuidados primários de saúde, o espírito de tolerância e a convivência recíproca, os métodos de protecção do ambiente, o aumento do orgulho e a satisfação pessoal.

Disse, por fim, ser necessário que se prime pelo dinamismo, disciplina, rigor, competência e pela responsabilidade individual, dentro do espírito colectivo, para alcance dos objectivos que pretendem atingir no domínio educativo, citada pela Angop.

Redacção

Licenciado em Gestão e Administração pela Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Agostinho Neto, Félix Abias é um jornalista angolano que explora temas ligados à política e economia local. Actualmente trabalha para o Grupo Média Rumo

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form