Sociedade
Solidariedade

Futebolista Djalma Campos visita e doa bens a Centro de Acolhimento

Futebolista Djalma Campos visita e doa bens a Centro de Acolhimento
Foto por:
vídeo por:
DR

O capitão da Selecção Angolana de Futebol, Djalma Campos, esteve no último sábado no Centro de Acolhimento Consoladora dos Aflitos e na Escola Stª Maria Goretti II, onde fez a doação de mais de bens alimentares e carteiras escolares.

A ideia surgiu no Natal de 2012, quando o futebolista e os colegas Mateus Galiano e Marcos Airosa (ambos futebolistas) decidiram juntar-se e apadrinhar um projecto social credível. Deste modo escolheram o Centro Consoladora dos Aflitos, por já terem algumas referências do mesmo.

Passado algum tempo e por intermédio dos pais, soube que a instituição estava com imensas dificuldades para permitir o acesso dos alunos às aulas devido à falta de carteiras escolares e bens de primeira necessidade. Comovido com a situação, Djalma Campos recorreu a alguns familiares e amigos e, juntos, organizaram um evento com o objectivo de arrecadar bens alimentares e carteiras, conta o comunicado que recebemos.

Localizado no Zango 3, município de Viana, este centro dirigido por madres alberga mais de 50 crianças carentes dos 2 aos 17 anos em regime de internato, que foram abandonas pelos pais em algumas paróquias da capital do país e tem mais de 100 alunos no regime de externato.

No sábado, dia de Março, e na presença de Abel Campos, antigo jogador do Sport de Lisboa e Benfica e Atletico Petróleos de Luanda, Djalma Campos fez a entrega dos bens arrecadados e conversou com as crianças sobre a importância do desporto.

O jogador pretende continuar a apoiar esta instituição e adiantou que o apoio incluirá também material desportivo e outros meios escolares, com vista a diminuir as inúmeras dificuldades que os petizes enfrentam para terem uma formação de qualidade. Garantiu que tudo fará para mobilizar instituições públicas e privadas a apoiarem a iniciativa e mostrou-se satisfeito com o projecto que acolhe crianças antes consideradas meninos de e na rua.

No acto de entrega, entretanto, ressaltou que a prática desportiva pode de uma maneira extraordinariamente eficaz envolver os jovens em ambientes com recursos escassos. “O desporto é um instrumento para o desenvolvimento social, que gera esperanças, ensina o trabalho em equipa e é fundamental para o desenvolvimento e crescimento do ser humano”.

6galeria

Redacção

O capitão da Selecção Angolana de Futebol, Djalma Campos, esteve no último sábado no Centro de Acolhimento Consoladora dos Aflitos e na Escola Stª Maria Goretti II, onde fez a doação de mais de bens alimentares e carteiras escolares.

A ideia surgiu no Natal de 2012, quando o futebolista e os colegas Mateus Galiano e Marcos Airosa (ambos futebolistas) decidiram juntar-se e apadrinhar um projecto social credível. Deste modo escolheram o Centro Consoladora dos Aflitos, por já terem algumas referências do mesmo.

Passado algum tempo e por intermédio dos pais, soube que a instituição estava com imensas dificuldades para permitir o acesso dos alunos às aulas devido à falta de carteiras escolares e bens de primeira necessidade. Comovido com a situação, Djalma Campos recorreu a alguns familiares e amigos e, juntos, organizaram um evento com o objectivo de arrecadar bens alimentares e carteiras, conta o comunicado que recebemos.

Localizado no Zango 3, município de Viana, este centro dirigido por madres alberga mais de 50 crianças carentes dos 2 aos 17 anos em regime de internato, que foram abandonas pelos pais em algumas paróquias da capital do país e tem mais de 100 alunos no regime de externato.

No sábado, dia de Março, e na presença de Abel Campos, antigo jogador do Sport de Lisboa e Benfica e Atletico Petróleos de Luanda, Djalma Campos fez a entrega dos bens arrecadados e conversou com as crianças sobre a importância do desporto.

O jogador pretende continuar a apoiar esta instituição e adiantou que o apoio incluirá também material desportivo e outros meios escolares, com vista a diminuir as inúmeras dificuldades que os petizes enfrentam para terem uma formação de qualidade. Garantiu que tudo fará para mobilizar instituições públicas e privadas a apoiarem a iniciativa e mostrou-se satisfeito com o projecto que acolhe crianças antes consideradas meninos de e na rua.

No acto de entrega, entretanto, ressaltou que a prática desportiva pode de uma maneira extraordinariamente eficaz envolver os jovens em ambientes com recursos escassos. “O desporto é um instrumento para o desenvolvimento social, que gera esperanças, ensina o trabalho em equipa e é fundamental para o desenvolvimento e crescimento do ser humano”.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form