Ciência & Tecnologia
Negócios

Empresa quer revolucionar serviço de internet grátis no país

Empresa quer revolucionar serviço de internet grátis no país
Foto por:
vídeo por:
Cedidas

Fundada em 2015, a Wi-Connect é uma empresa nacional de tecnologia focada em soluções de publicidade online, ao mesmo tempo em que fortalece a democratização da informação, e pretende revolucionar o serviço de internet grátis no país, acreditando permitir a perfeita parceira entre usuários e negócios.

Surge numa altura em que os smartphones estão ao alcance de todo o mundo, bastando um simples toque para entrarmos em conexão global. A “Era Digital” é considerada a 4ª Revolução Industrial e para participar e ser actor vivo desta evolução é preciso estar online.

Detentora do know-how em hotspots ou pontos de acesso, que utilizam a tecnologia Wi-Fi, a organização possui uma larga experiência na instalação e disponibilização destes domínios, Wi-Fi Marketing, Internet e qualquer empresa pode juntar-se a esta solução tecnológica.

“A questão, sempre principal, é financeira. Terão os utilizadores recursos para estarem conectados?”, questiona o CEO, Paulo Araújo, num comunicado de apresentação, enviado ao ONgoma News, lembrando que os serviços de internet em Angola têm, por enquanto, custos elevados para o consumidor final, contudo, existem pontos em Luanda onde o acesso é totalmente grátis.

Estes pontos são facilmente detectáveis e estão ao dispor em locais como o Aeroporto 4 de Fevereiro, na zona de partidas e chegadas, Belas Shopping, Samba Blue, Xyami Nova Vida e em mais de 50 agências do Banco BAI, espalhadas pelo território nacional.

“O Banco BAI é no nosso mercado a empresa que investe em mais larga escala na Era Digital. Conta neste momento com mais de meia centena de pontos de acesso em território nacional. Contudo, outras empresas há que seguem o mesmo caminho, como a Refriango, Standard Bank Angola, Espaços, e que potenciam o acesso gratuito à Internet nos seus locais e eventos”, lê-se no documento.

Nesse sentido, as soluções da WiConnect permitem aos bancos, seguradoras e empresas de retalho obterem, em tempo real, o nível de satisfação dos clientes traduzido no feedback, ao momento, informação de extrema importância, tendo em conta os níveis de competitividade do mercado angolano e das exigências dos clientes que cada vez mais optam por soluções customizadas.

A WiConnect, garante o gestor, disponibiliza acesso mais rápido à informação e reacções céleres no desenvolvimento de soluções inovadoras de forma a dar vantagem às empresas relativamente à concorrência.

6galeria

Andrade Lino

Jornalista

Estudante de Língua Portuguesa e Comunicação, amante de artes visuais, música e poesia.

Fundada em 2015, a Wi-Connect é uma empresa nacional de tecnologia focada em soluções de publicidade online, ao mesmo tempo em que fortalece a democratização da informação, e pretende revolucionar o serviço de internet grátis no país, acreditando permitir a perfeita parceira entre usuários e negócios.

Surge numa altura em que os smartphones estão ao alcance de todo o mundo, bastando um simples toque para entrarmos em conexão global. A “Era Digital” é considerada a 4ª Revolução Industrial e para participar e ser actor vivo desta evolução é preciso estar online.

Detentora do know-how em hotspots ou pontos de acesso, que utilizam a tecnologia Wi-Fi, a organização possui uma larga experiência na instalação e disponibilização destes domínios, Wi-Fi Marketing, Internet e qualquer empresa pode juntar-se a esta solução tecnológica.

“A questão, sempre principal, é financeira. Terão os utilizadores recursos para estarem conectados?”, questiona o CEO, Paulo Araújo, num comunicado de apresentação, enviado ao ONgoma News, lembrando que os serviços de internet em Angola têm, por enquanto, custos elevados para o consumidor final, contudo, existem pontos em Luanda onde o acesso é totalmente grátis.

Estes pontos são facilmente detectáveis e estão ao dispor em locais como o Aeroporto 4 de Fevereiro, na zona de partidas e chegadas, Belas Shopping, Samba Blue, Xyami Nova Vida e em mais de 50 agências do Banco BAI, espalhadas pelo território nacional.

“O Banco BAI é no nosso mercado a empresa que investe em mais larga escala na Era Digital. Conta neste momento com mais de meia centena de pontos de acesso em território nacional. Contudo, outras empresas há que seguem o mesmo caminho, como a Refriango, Standard Bank Angola, Espaços, e que potenciam o acesso gratuito à Internet nos seus locais e eventos”, lê-se no documento.

Nesse sentido, as soluções da WiConnect permitem aos bancos, seguradoras e empresas de retalho obterem, em tempo real, o nível de satisfação dos clientes traduzido no feedback, ao momento, informação de extrema importância, tendo em conta os níveis de competitividade do mercado angolano e das exigências dos clientes que cada vez mais optam por soluções customizadas.

A WiConnect, garante o gestor, disponibiliza acesso mais rápido à informação e reacções céleres no desenvolvimento de soluções inovadoras de forma a dar vantagem às empresas relativamente à concorrência.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form