Sociedade
Aviação

Aeroportos terão novos equipamentos de segurança

Aeroportos terão novos equipamentos de segurança
Foto por:
vídeo por:
DR

Os aeroportos nacionais poderão, nos próximos quatro anos, receber equipamentos de telecomunicações, de vigilância aérea e de navegação, no quadro de um acordo de prestação de serviços e assistência técnica, celebrado no passado dia 19 de Abril, entre a ENANA (Empresa Nacional de Aeroportos e Navegação Aérea) e a Intelcan Technosystems INC.

O acordo prevê a aquisição de 14 estações do tipo VSAT, para a ampliação do sistema de comunicações e controlo de voz, bem como o reforço da vigilância ADS/C-CPDLC, este último já está em funcionamento.

No domínio da vigilância aérea, está prevista a aquisição de nove estações, enquanto que para a navegação, os aeroportos do Huambo,  Saurimo e Ondjiva vão ser contemplados, respectivamente com VOR/DME e ILS.

Ainda no âmbito do acordo, serão prestados serviços de consultoria em português, bem como a formação de 20 técnicos de manutenção e 20 controladores de tráfego aéreo, de acordo com o Jornal de Angola.

A fonte explica que o contrato celebrado pela ENANA insere-se no quadro da segunda fase do programa de gestão de controlo do espaço aéreo civil, que tem por finalidade o reforço e a modernização da navegação e consequentemente a melhoria da gestão estratégica do tráfego aéreo em Angola.

Com a implementação do programa, a empresa garante haver plena cobertura das comunicações, navegação aérea e de vigilância do espaço aéreo da Região de Informação de Voo (RIV) de Luanda.

6galeria

Andrade Lino

Jornalista

Estudante de Língua Portuguesa e Comunicação, amante de artes visuais, música e poesia.

Os aeroportos nacionais poderão, nos próximos quatro anos, receber equipamentos de telecomunicações, de vigilância aérea e de navegação, no quadro de um acordo de prestação de serviços e assistência técnica, celebrado no passado dia 19 de Abril, entre a ENANA (Empresa Nacional de Aeroportos e Navegação Aérea) e a Intelcan Technosystems INC.

O acordo prevê a aquisição de 14 estações do tipo VSAT, para a ampliação do sistema de comunicações e controlo de voz, bem como o reforço da vigilância ADS/C-CPDLC, este último já está em funcionamento.

No domínio da vigilância aérea, está prevista a aquisição de nove estações, enquanto que para a navegação, os aeroportos do Huambo,  Saurimo e Ondjiva vão ser contemplados, respectivamente com VOR/DME e ILS.

Ainda no âmbito do acordo, serão prestados serviços de consultoria em português, bem como a formação de 20 técnicos de manutenção e 20 controladores de tráfego aéreo, de acordo com o Jornal de Angola.

A fonte explica que o contrato celebrado pela ENANA insere-se no quadro da segunda fase do programa de gestão de controlo do espaço aéreo civil, que tem por finalidade o reforço e a modernização da navegação e consequentemente a melhoria da gestão estratégica do tráfego aéreo em Angola.

Com a implementação do programa, a empresa garante haver plena cobertura das comunicações, navegação aérea e de vigilância do espaço aéreo da Região de Informação de Voo (RIV) de Luanda.

6galeria

Artigos relacionados

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form